,

Microsoft

Planejamento estratégico é algo essencial para todas as empresas. Quando pensamos em tecnologia e planejamentos de longo prazo, precisamos criar um ambiente no qual os executivos ampliem suas percepções e possam imaginar novos horizontes. Em 2012, a partir dessa premissa a agência Gude reuniu os diretores da Microsoft em um espaço fora de São Paulo para criarem as novas estratégias e planejarem as ações do que estava por vir.

Os poderes do conto e da tecnologia se assemelham em muitas instâncias. Ambos têm uma atuação invisível, despertam a capacidade de fortalecer o potencial individual, ajudam a refletir sobre o papel de cada em uma sociedade e amparam a descoberta de novas soluções para novos desafios.

Então, a abertura desse trabalho foi feita com a narração de uma história que pudesse inspirar os executivos a mergulharem sem suas habilidades criativas, com essa visão inovadora planejarem o futuro.

A proposta era levar cada um deles para dentro, no espaço imaginário interno, onde pudessem encontrar metáforas sobre o que os move como empresa, qual foco precisariam manter, o que precisariam mudar e assim por diante.

Sendo assim, foi escolhido um conto que pudesse abarcar a essência dessas necessidades olhando para elas de forma ampla e simbólica. Narrei à história e aí receberam o conteúdo numérico com métricas e dados concretos para aí então seguirem.

Em um trabalho como esse é importante compreender a magnitude da proposta para o conto ser escolhido a dedo. Os objetivos da reunião, a demanda especifica do público, o tempo disponível e o espaço onde vai acontecer influenciam diretamente nessa construção.

Baseado no belíssimo conto do francês Jean Giono, de 1953, a animação conta a estória de Elzeard Bouffier, um pastor de ovelhas que durante anos cultivou uma floresta esplendorosa numa área desértica da França. Com as suas próprias mãos e uma generosidade sem limites, desconsiderando o tamanho dos obstáculos, ele faz, do nada, surgir uma floresta inteira – com um ecossistema rico e sustentável. Uma história inesquecível sobre o poder que o ser humano tem de influenciar o mundo à sua volta. Direção: Frédéric Back Roteiro: Jean Giono (história) OSCAR® 1988 – Melhor filme curto de animação ANNECY 1987 (Festival Internacional do Cinema de Animação) – Grande Prêmio e Prémio do Público, , Annecy, França, 1987. Festival Internacional de Animação de Hiroshima 1987 – Grande Prêmio Festival Internacional de Ottawa 1988 – Grande Prêmio